MENU PRINCIPAL
  Página Principal
  Login do Usuário
  Ajuda
  Programas para baixar
  Quanto custa?
  Últimas Notícias
  Lista de Notícias
  Entre em Contato
  Sites parceiros
  Frases para Facebook
DOWNLOAD
  > Áudios
  > Apostilas
  > Aulas
  > Legislação
  > Simulados
EDITAIS
  > Editais? Clique aqui

PARCEIROS DE CONTEÚDO

  Concurso Público
  Benefícios da Previdência
  Consultor em Previdência
  Blog do Catarino
  Benefícios do INSS
  Passagens Aéreas
  Ultra Concurseiros
PROVAS
  > Provas Federais
  > Provas por Organizador
 Cespe, Esaf, Cesgranrio,
 Vunesp, FCC etc.
  > Provas por Área
 Administração, Psicologia,
 Direito, Engenharia etc.
PROVAS ESTADUAIS

BUSCA AVANÇADA DE PROVAS

Digite no campo abaixo a palavra-chave para filtrar suas provas

Ex.: OFICIAL DE JUSTIÇA


VISITE TAMBÉM
  Frases para Facebook
  Capas para Facebook
  Fontes

Apostilas para Concursos

 
- ÁREA DE DEMONSTRAÇÃO - SIMULADOS

Conheça também nossos arquivos de:
ÁUDIOS | APOSTILAS | AULAS | PROVAS ANTERIORES

Simulado de ÉTICA NO SERVIÇO PÚBLICO / ÉTICA NO SERVIÇO PÚBLICO

Questão de concurso 959
1 . (CEF, Cesgranrio - Técnico Bancário - 2008) Acerca das situações de conflito de interesse a que podem estar sujeitos os servidos públicos, em razão da função ou cargo público exercido, foram feitas as afirmativas a seguir.

I - O servidor público deve comunicar a ocorrência de conflito de interesse ao seu superior hierárquico.
II - O servidor público, para resolver o conflito de interesse existente, pode transferir a propriedade dos bens relacionados ao referido conflito a sua esposa ou filhos.
III - Haverá conflito de interesse quando o servidor público mantiver vínculo de negócio com pessoa física ou jurídica que tenha interesse em sua decisão individual.
IV - Haverá conflito de interesse quando o servidor público exercer atividade na iniciativa privada que, pela sua natureza, implique utilização de informação inerente ao cargo público ocupado.

Estão corretas as afirmativas:


A)  I e III, apenas.
 
B)  II e IV, apenas.
 
C)  I, II e IV, apenas.
 
D)  I, III e IV apenas.
 
E)  I, II, III e IV.
 
       
Questão de concurso 969
2 . (TRT-DF, Cespe) Em cada um dos itens a seguir é apresentada uma situação hipotética a cerca da ética no serviço público, seguida de uma assertiva a ser julgada em (C) CERTO ou (E) ERRADO.

1) Hélio é servidor público do setor de atendimento de um tribunal judiciário. Ele tem muitos afazeres e, por isso, deixa os clientes à espera de atendimento enquanto resolve os problemas internos do setor. Nessa situação o comportamento de Hélio caracteriza atitude contrária à ética no serviço público.
2) Gabriel é um servidor público exemplar, cortês, disponível e atencioso no trabalho. Ele resiste a todas as pressões de seus superiores hierárquicos e não aceita nenhum presente dos clientes em troca de suas ações no trabalho. Nessa situação, Gabriel está cumprindo com ética o desempenho de seu cargo público.
3) Marilena é servidora pública em um tribunal judiciário. Ela zela pelo material sob sua guarda, é assídua e pontual, respeita os colegas e privilegia o atendimento de seus superiores hierárquicos, demonstrando total prontidão às requisições deles em detrimento das solicitações de seus colegas e dos usuários do setor. Nessa situação Marilena apresenta comportamento profissional ético e compatível com a função pública.
4) Rodrigo é servidor público e trabalha no setor de pre-vidência social de um tribunal judiciário. Ele atende a dezenas de pessoas por dia, é sempre cortês, justo e prestativo no atendimento, e mesmo quando não detém a informação solicitada pelo usuário, ele inova, sugerindo alguma alternativa conforme a sua opinião. Nessa situação, o atendimento prestado por Rodrigo é de muita qualidade, pois atende às expectativas dos usuários.


A)  C - C - C - C
 
B)  C - C - C - E
 
C)  C - E - E - E
 
D)  E - C - E - E
 
E)  C - C - E - E
 
       
Questão de concurso 974
3 . (TJ-PA) A respeito da ética e da sua evolução histórica, assinale a opção correta.

A)  A palavra ética é derivada do grego e significa "comportamento" segundo a etiqueta.
 
B)  O fundamento da ética tem raízes nas emoções.
 
C)  Segundo Sócrates, o grande iniciador da ética, não interessa apenas cumprir a lei, mas saber qual é o seu sentido.
 
D)  A vida ética realiza-se no modo de vida de um indivíduo que não mantém relações interpessoais.
 
E)  N.R.A.
 
       
Questão de concurso 4453
4 . (TRT-MA, Cespe - Auxiliar Judiciário - 2005) Cada um dos itens subsequentes apresenta uma situação hipotética relativa à ética no serviço público, seguida de uma afirmativa a ser julgada em (C) CERTO ou (E) ERRADO.

a) Considere a seguinte situação hipotética. Paula, auxiliar judiciária, tem entre suas atribuições as tarefas de proceder à entrega e ao recebimento de documentos, retirar e devolver livros na biblioteca e providenciar fotocópias. Paula atende a três setores de um tribunal regional do trabalho (TRT), sendo que, em um deles, a chefe é uma pessoa com quem Paula se relaciona muito bem. Para esse setor, Paula é sempre mais ágil e atenciosa com relação à execução das tarefas, recebendo, eventualmente, presentes da chefia do setor em agradecimento a sua presteza e seu interesse ao realizar os serviços. Nessa situação, é correto afirmar que a conduta de Paula é antiética, pois privilegia o atendimento de um setor específico e é beneficiada com presentes por essa ação.
b) Considere a seguinte situação hipotética. Carlos, servidor público há 6 anos, tem sob sua guarda patrimonial todos os equipamentos eletrônicos do seu setor. Por necessidade pessoal, Carlos pegou, sem consultar ninguém, um aparelho que teve baixa patrimonial por ter sido considerado ultrapassado. Nessa situação, é correto afirmar que o comportamento de Carlos é compatível com a ética profissional, pois o aparelho tomado por ele não tinha mais utilidade pública.
c) Considere a seguinte situação hipotética. Marly, servidora pública de um tribunal, sabe executar bem suas tarefas. Ela tem consciência de que tem um bom desempenho profissional e, por isso, muitas vezes deixa de cumprir as orientações superiores, pois, de acordo com seu entendimento, o resultado de seu trabalho atende bem às necessidades do seu setor. Nessa situação, é correto afirmar que a conduta autônoma de Marly é antiética, pois desrespeita a hierarquia estabelecida no serviço público.


A)  C, C, C
 
B)  C, E, C
 
C)  E, E, C
 
D)  C, C, E
 
E)  E, E, E
 
       
Questão de concurso 4458
5 . (SGA-DF, Cespe - Agente Administrativo) Em cada um dos itens a seguir, é apresentada uma situação hipotética, seguida de uma assertiva a ser julgada.

a) Geraldo, funcionário exemplar, é assíduo e pontual, preserva as informações sigilosas de que eventualmente toma conhecimento. Geraldo trabalha no atendimento ao público e, sempre que possível, facilita o acesso ao atendimento para outros funcionários, pois reconhece a necessidade de eles estarem logo de volta ao trabalho. Nessa situação, Geraldo apresenta conduta antiética ao privilegiar seus pares.
b) Clovis é um funcionário muito esforçado, mas seus vencimentos são insuficientes frente à demanda de gastos com o filho doente. Por isso, às vezes, Clovis retira do almoxarifado de seu setor alguns materiais de consumo para o seu uso familiar. Nessa situação, Clovis não infringe a ética, pois sua conduta é perfeitamente justificada e aceita socialmente.


A)  C, C
 
B)  C, E
 
C)  E, C
 
D)  E, E
 
E)  N. R. A.
 
       
Questão de concurso 10577
6 . (TRE-BA, Cespe - Técnico Judiciário - Segurança Judiciária - 2009) Normalmente, condutas antiéticas extrapolam os limites das relações interpessoais e se tornam objeto de política, fomentando a elaboração de códigos de ética de grupos profissionais, como os servidores públicos. A respeito da ética no serviço público, julgue os itens que se seguem em (C) CERTO ou (E) ERRADO.

a) A ética profissional deve ser compreendida estritamente no âmbito do relacionamento do profissional com sua clientela e vice-versa, tendo em vista a dignidade do homem e o bem-estar do contexto sociocultural em que atua na sua profissão.

b) Os códigos de ética profissional se limitam a uma enumeração de artigos contendo normas de ação.

c) A ética profissional se refere ao ideal de conduta do profissional, ao conjunto de atitudes desejáveis ao assumir no desempenho de sua profissão.

d) A formação ética se impõe nas profissões porque os conhecimentos técnico-científicos, por si só, não bastariam ao profissional.


A)  E, E, E, E
 
B)  E, E, C, E
 
C)  E, C, E, C
 
D)  E, E, C, C
 
E)  C, E, C, E
 
       
Questão de concurso 11119
7 . (ECT, Consulplan - Atendente Comercial - 2008) As organizações empresariais no Brasil ainda não se convenceram que o comportamento ético é um caminho para o sucesso empresarial. Com este pensamento, pode-se afirmar que as chances de sobrevivência de uma empresa é:

A)  Descumprir legislação trabalhista.
 
B)  Poluir ambiente, troca de favores.
 
C)  Busca de espaço social e aperfeiçoamento ético.
 
D)  Enganar o consumidor, tráfico de influências.
 
E)  Sonegar impostos.
 
       
Questão de concurso 11124
8 . (ECT, Conesul - Atendente Comercial - 2008) O relativismo ético é a teoria que afirma que os valores e regras que determinam o que é certo e errado são relativos – ou seja, dependem das diferentes culturas das diferentes sociedades. Se esta teoria está correta, então:

I. não podemos julgar as práticas de uma outra sociedade, porque se o fizéssemos, estaríamos julgando a partir das regras da nossa cultura, e não da cultura deles.

II. não podemos julgar as regras da nossa cultura, pois, como esta teoria afirma, é a nossa cultura que determina o que está certo ou errado para nós.

III. não podemos julgar as práticas racistas ou machistas de sociedades cujas culturas aprovam tais práticas, pois, do ponto de vista delas, estão corretas.

Está(ão) correto(s) o(s) item(ns)


A)  I, apenas.
 
B)  II, apenas.
 
C)  I e III, apenas.
 
D)  II e III, apenas.
 
E)  I, II e III.
 
       
Questão de concurso 11129
9 . (ECT, Conesul - Atendente Comercial - 2008) Segundo Kant, a regra fundamental da ética, chamada imperativo categórico, é a seguinte: “Age de modo que trates a humanidade, na tua pessoa ou na de outrem, sempre como um fim, e nunca apenas como um meio.” A partir desta regra, é falso afirmar que

A)  Devemos tratar as outras pessoas como esperamos ser tratados por elas, pois todos são igualmente valiosos.
 
B)  Devemos levar em conta, sempre, os objetivos das pessoas, e não apenas os nossos.
 
C)  Ao decidir como tratar as pessoas, não podemos ignorar os seus próprios fins.
 
D)  Antes de agir, devemos levar em conta, acima de tudo, os nossos desejos, independente dos desejos dos outros.
 
E)  Devemos levar em conta que as pessoas não são coisas (com valor apenas instrumental), mas têm um valor absoluto.
 
       
Questão de concurso 11134
10 . (ECT, Conesul - Atendente Comercial - 2008) Manter a grande maioria dos indivíduos trabalhando sob condições alienantes, explorar irresponsavelmente os recursos naturais, elevar a poluição ambiental, não prestar nenhum tipo de contas à sociedade global etc., tornou-se progressivamente insustentável. Acreditando-se ameaçados pela “Lei de Ferro da Responsabilidade Social”, muitos dirigentes empresariais passaram a manifestar uma postura mais socialmente responsável. O espírito de “ganho”, de tirar proveito desta “humanização” e “preocupação social” está, contudo, subjacente às suas proposições. (...) Em que medida, então, estariam as empresas incorporando metas sociais, se o raciocínio permanece o mesmo: repassar os custos e não reduzir a margem de lucros?
Heloísa W. M. Guimarães, Responsabilidade social da empresa

No trecho citado, a autora critica


A)  A ideia de que exista alguma responsabilidade social do empresariado para além do imperativo de administrar lucrativamente as suas empresas.
 
B)  A concepção segundo a qual só há responsabilidade social se não há prejuízo econômico para a empresa.
 
C)  A imposição autoritária de uma “lei de ferro” que obriga os empresários a assumir uma postura socialmente responsável.
 
D)  As mudanças que tornaram a exploração dos recursos naturais e a elevação da poluição ambiental progressivamente insustentáveis.
 
E)  A ideia de que as empresas não possam repassar os custos decorrentes da sua “preocupação social”.
 
       

 

 

 


Copyright & Webdesign: Multitech Informática e Tecnologia Ltda (2001-2013)
acheiconcursos@acheiconcursos.com.br