MENU PRINCIPAL
  Página Principal
  Login do Usuário
  Ajuda
  Programas para baixar
  Quanto custa?
  Últimas Notícias
  Lista de Notícias
  Entre em Contato
  Sites parceiros
  Frases para Facebook
DOWNLOAD
  > Áudios
  > Apostilas
  > Aulas
  > Legislação
  > Simulados
EDITAIS
  > Editais? Clique aqui

PARCEIROS DE CONTEÚDO

  Concurso Público
  Benefícios da Previdência
  Consultor em Previdência
  Blog do Catarino
  Benefícios do INSS
  Passagens Aéreas
  Ultra Concurseiros
PROVAS
  > Provas Federais
  > Provas por Organizador
 Cespe, Esaf, Cesgranrio,
 Vunesp, FCC etc.
  > Provas por Área
 Administração, Psicologia,
 Direito, Engenharia etc.
PROVAS ESTADUAIS

BUSCA AVANÇADA DE PROVAS

Digite no campo abaixo a palavra-chave para filtrar suas provas

Ex.: OFICIAL DE JUSTIÇA


VISITE TAMBÉM
  Frases para Facebook
  Capas para Facebook
  Fontes

Apostilas para Concursos

 
- ÁREA DE DEMONSTRAÇÃO - SIMULADOS

Conheça também nossos arquivos de:
ÁUDIOS | APOSTILAS | AULAS | PROVAS ANTERIORES

Simulado de LEI DE DIRETRIZES E BASES DA EDUCAÇÃO NACIONAL

Questão de concurso 269
1 . (Secretaria de Educação e Inovação - SC - 2005) Os Art. 58 e 59, Capítulo V, da Lei 9394/96 - Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional - definem educação especial como uma modalidade de educação escolar que deve ser oferecida preferencialmente na rede regular de ensino, para educandos portadores de necessidades especiais. Os sistemas educacionais devem assegurar aos educandos com necessidades especiais:
I - Currículos, métodos, técnicas, recursos educativos e organização específicos para atender às suas necessidades.
II - Terminalidade específica para aqueles que não puderem atingir o nível exigido para a conclusão do ensino fundamental, em virtude de suas deficiências, e aceleração para concluir em menor tempo o programa escolar para superdotados.
III - Professores com especialização adequada em nível médio ou superior, para atendimento especializado, bem como professores do ensino regular capacitados para a integração desses educandos nas classes comuns.
IV - Informação aos pais sobre a impossibilidade de seu filho frequentar a escola regular, por não acompanhar o processo.
V - Acesso igualitário aos benefícios dos programas sociais suplementares disponíveis para o respectivo nível de ensino regular.

Assinale a alternativa CORRETA.


A)  Somente as afirmativas I e II estão corretas.
 
B)  Somente a afirmativa III está correta.
 
C)  Somente a afirmativa IV está correta.
 
D)  Somente as afirmativas I, II e III estão corretas.
 
E)  Somente as afirmativas I, II, III e V estão corretas.
 
       
Questão de concurso 274
2 . (Prefeitura Municipal de Alagoinhas - BA - 2004) A Lei 9394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional no artigo 3º, que trata do ensino, NÃO apresenta o seguinte princípio:

A)  respeito à liberdade e apreço à tolerância;
 
B)  valorização do profissional da educação escolar;
 
C)  gratuidade do ensino público em estabelecimentos oficiais;
 
D)  indissociabilidade entre Estado e Igreja;
 
E)  garantia de padrão de qualidade.
 
       
Questão de concurso 279
3 . (Assistente Social - Fundação da Criança e do Adolescente / AP - 2004) Em relação ao ensino fundamental, é incorreto afirmar que:
I. Poderá ser desdobrado em ciclos.
II. O regime de progressão continuada significa considerar como cumpridas as disciplinas com aproveitamento, ficando devendo as que ficou reprovado.
III. As populações indígenas o recebem, também, em suas línguas nativas.
IV. O ensino religioso é facultativo, porém, existindo, é obrigatória nele a matricula.

Com base nas assertivas, a alternativa incorreta é:


A)  II.
 
B)  III.
 
C)  IV.
 
D)  I.
 
E)  Todas as alternativas estão incorretas.
 
       
Questão de concurso 4833
4 . Qual das alternativas abaixo NÃO é determinada pela Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (Lei 9.394/96):

A)  O currículo do ensino fundamental incluirá, obrigatoriamente, conteúdo que trate dos direitos das crianças e dos adolescentes, tendo como diretriz o Estatuto da Criança e do Adolescente.
 
B)  A educação física, integrada a proposta pedagógica da escola, é componente curricular obrigatória da educação básica.
 
C)  Nos estabelecimentos de ensino fundamental e médio, oficiais e particulares, torna-se obrigatório o ensino sobre História e Cultura Afro-Brasileira.
 
D)  o ensino religioso, de matricula facultativa, é parte integrante da formação básica do cidadão e constitui disciplina dos horários normais das escolas públicas de ensino fundamental.
 
E)  O sistema de ensino da União é obrigado a ofertar educação escolar aos povos indígenas apenas em Língua Portuguesa. A língua materna de cada tribo poderá ser componente curricular, desde que obedeça a regulamentação curricular da FUNAI.
 
       
Questão de concurso 4855
5 . (UFAL - Técnico em Assuntos Educacionais - 2006) O PNE apresenta, entre suas diretrizes e metas, para expansão da oferta da educação superior, algumas das alternativas a seguir, exceto:

A)  Diversificar o sistema de ensino superior, favorecendo e valorizando estabelecimentos nãouniversitários que ofereçam ensino de qualidade e atendam a demandas específicas de formação tecnológica, profissional liberal, em novas profissões, para exercício do magistério ou de formação geral.
 
B)  Diversificar a oferta de ensino, incentivando a criação de cursos noturnos com propostas inovadoras, de cursos sequenciais e de cursos modulares, com a certificação, permitindo maior flexibilidade na formação e ampliação da oferta de ensino.
 
C)  Diversificar o sistema de ensino superior, desregulamentando as profissões que exigem diploma de ensino superior para extinguir esta exigência e, assim, estimular a oferta de cursos de duração menor, que apenas certifiquem e não diplomem, e instituir a formação continuada, com vários cursos e vários certificados.
 
D)  Estabelecer um amplo sistema interativo de educação a distância, utilizando-o, inclusive, para ampliar as possibilidades de atendimento nos cursos presenciais, regulares ou de educação continuada.
 
E)  Estabelecer uma política de expansão que diminua as desigualdades de oferta existentes entre as diferentes regiões do país.
 
       
Questão de concurso 4860
6 . (UFAL - Técnico em Assuntos Educacionais - 2006) Considere o texto a seguir:

“A dificuldade em definir qual é o produto da universidade deve-se à multiplicidade de fins que ela vem incorporando em sua busca por acomodação às várias crises que enfrenta. Da formação humanística e profissional à produção e à transmissão de conhecimentos, à elevação do nível cultural da sociedade e à resolução de problemas sociais, tudo pode ser considerado produto da universidade. Como avaliar produtos tão variados e difíceis de definir?” (VEIGA 2004)

Em vista do acima exposto, na Universidade Federal de Alagoas, a avaliação é efetivada, em diversos níveis, por diferentes segmentos, em situações específicas, a saber:

1. Avaliação Institucional – por diferentes segmentos da comunidade acadêmica interna e representantes da sociedade civil organizada, sob a coordenação da Comissão Própria de Avaliação - CPA.
2. Avaliação Acadêmica – pelos Colegiados de Curso, tendo, como referência, os Projetos Pedagógicos.
3. Avaliação do Docente e do Técnico-administrativo – prerrogativa exclusiva do Conselho Universitário, pelas disposições do Estatuto e do Regimento Geral da UFAL.
4. Avaliação do Discente – em cada disciplina da matriz curricular, mediante apuração do rendimento escolar, da frequência às atividades didáticas e da consideração dos resultados do ENADE.

Das alternativas abaixo, encontra-se correta a alternativa:


A)  1 e 3 apenas
 
B)  3 e 4 apenas
 
C)  1, 2 e 4 apenas
 
D)  2 e 3 apenas
 
E)  todas as respostas.
 
       
Questão de concurso 5152
7 . (TJ-MA, FESAG - Pedagogo - 2005) O projeto político pedagógico é um instrumento que deve ser implementado na perspectiva de uma educação para a cidadania. Com esta compreensão é correto afirmar que:

A)  O projeto político pedagógico precisa ser construído inclusive por interferência política partidária. Um processo sempre inconcluso e se possível parcial.
 
B)  O projeto político pedagógico não nega o instituído coletivamente, que é a sua história, seus atores. O projeto político pedagógico não deve confrontar o instituído com o instituinte.
 
C)  O projeto político pedagógico precisa ser construído sem interferência política. Um processo sempre inconcluso e se possível imparcial.
 
D)  O projeto político pedagógico não nega o instituído coletivamente,que é a sua história, seus atores. O projeto político pedagógico sempre confronta o instituído com o instituinte.
 
E)  N.R.A.
 
       
Questão de concurso 5157
8 . (TJ-MA, FESAG - Pedagogo - 2005) A Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, abrange todos os níveis de ensino, da educação infantil à pós-graduação, do ensino público e privado à educação especial. Tradicionalmente é correto afirmar que a Lei n.º 9394/96 também é chamada de:

A)  Constituição da Pedagogia Brasileira.
 
B)  Constituição da Didática Nacional.
 
C)  Lei Octávio Elisio.
 
D)  Lei Darcy Ribeiro.
 
E)  N.R.A.
 
       
Questão de concurso 5184
9 . (Instituto Federal de Educação - MG - Técnico em Assuntos Educacionais - 2008) Analise as afirmações abaixo, que versam sobre o planejamento educacional.

I. O planejamento de ensino consiste em traduzir, em termos mais concretos e operacionais, quais serão as ações do professor para conduzir os alunos a alcançar os objetivos propostos.
II. O planejamento do currículo deve executar estritamente o que está prescrito nas diretrizes curriculares.
III. O conhecimento da realidade é uma etapa fundamental no desenvolvimento do planejamento.
IV. Os procedimentos de avaliação são adversos do planejamento de ensino.

Estão corretas as afirmações:


A)  I e III
 
B)  II e IV
 
C)  I, II e IV
 
D)  II, III e IV
 
E)  N.R.A.
 
       
Questão de concurso 5189
10 . (Instituto Federal de Educação - MG - Técnico em Assuntos Educacionais - 2008) A educação de jovens e adultos (EJA) no Brasil, como modalidade de ensino, é marcada pela descontinuidade e por tênues políticas públicas, insuficientes para dar conta da demanda potencial. São exemplos de iniciativas públicas na área de EJA:

I. MOBRAL - Movimento Brasileiro de Alfabetização, criado no período da ditadura, tinha autonomia em relação ao MEC.
II. Fundação EDUCAR - antecede o MOBRAL, tinha como foco a educação continuada.
III. Ensino Supletivo - promovido pelo MEC a partir da Lei 5692/71.

Está(ão) correto(s) o(s) item(ns):


A)  I.
 
B)  I e III.
 
C)  II e III.
 
D)  I, II e III.
 
E)  N.R.A.
 
       

 

 

 


Copyright & Webdesign: Multitech Informática e Tecnologia Ltda (2001-2013)
acheiconcursos@acheiconcursos.com.br